21ª SPRW reúne o melhor da gastronomia de São Paulo

 

Clássicos com temperos especiais e boa relação custo-benefício. Nesse clima, a 21ª edição da São Paulo Restaurant Week, que ocorre de 15 de setembro a 15 de outubro de 2017, reúne mais de 200 restaurantes badalados de São Paulo com o tema “Temperos do Quintal”. O evento traz menus completos de almoço e jantar (entrada, prato principal e sobremesa) a preços fechados (Menu Week: R$ 41,90, no almoço, e R$ 54,90, no jantar; e Menu Premium: R$ 68, no almoço, e R$ 89, no jantar). Bebidas e taxas de serviço não estão inclusas no valor. O cliente poderá contribuir ainda com mais R$ 1 em cada refeição, que será convertido diretamente para a Fundação Cafu. O festival tem como objetivo principal oferecer, a preços democráticos, o melhor da gastronomia, valorizando ingredientes e os produtores responsáveis pela matéria-prima fundamental na execução dos pratos.  Participam desta edição, com o Menu Week, os árabes Farabbud, em Moema, e o Randa, no Morumbi, além da tradicional Mercearia do Conde, no Jardim Paulistano, e o francês Le Bou Bistrô, no Itaim Bibi.

 

 

Uma das opções de entrada para o jantar no árabe Farabbud, em Moema, é o Quibe Cru de Salmão com Cebolinha Francesa, Gengibre Agridoce e Pimenta Dedo-de-Moça com Creme de Limão-Siciliano. Crédito da foto: Caio Ferrari

 

Pratos árabes com gostinho de comfort food. Esse é o clima do Farabbud, marco da culinária árabe em São Paulo. Fundado por Paulo Abbud, em 2002, em Moema, zona sul da cidade, o Farabbud é uma homenagem a Suahad Farah e Emílio Abbud. Receitas criadas pela família e que se tornaram clássicos da culinária árabe no Brasil. Para o festival, os destaques do almoço são: como entrada, a Salada Henrique (preparada com tomate, pepino, salsinha e alface americana cortada na ponta da faca, temperada com limão e finalizada com pão árabe torrado), como prato principal, o Aarouz de Falafel (pão saj enrolado com falafel, alface romana, rabanete, tomate e molho tarator). Para finalizar, o Minichocolamour (sorvete de chocolate, calda quente, chantili e farofa doce). No jantar, as indicações são: como entrada, o Quibe Cru de Salmão (salmão fresco picado na ponta da faca, cebolinha francesa, gengibre agridoce e pimenta dedo-de-moça com creme de limão-siciliano), como prato principal, a Moussaka na Panelinha (finas fatias de berinjelas grelhadas na chapa cobertas por tomates concassé perfumados com manjericão e capa de filé-mignon moída refogada com especiarias e coberto com bechamel), e para finalizar, a Coalhada com Frutas Vermelhas (framboesa, amora e morango).

 

Para adoçar a noite, a opção do bistrô francês Le Bou, localizado no Itaim Bibi, é o Minipain Perdu, banhado em Creme Inglês e servido com Sorvete de Iogurte de Frutas Vermelhas. Crédito da foto: Márcia Gamma.

 

Le Bou, localizado no Itaim Bibi, é um bistrô francês com espaço aconchegante com jazz e clássicos franceses ao vivo. Para o festival, a casa preparou como uma das opções de entrada do almoço o Carpaccio com Molho à Base de Mostarda e Alcaparras com Rúcula e Parmesão. Para o prato principal, o destaque é para aFraldinha ao Molho Ancienne com Purê de Batatas e, para adoçar, a opção de sobremesa é o Manjar de Coco com Calda de Frutas Vermelhas. No jantar, as sugestões são: a Panelinha de Brie Derretido, para a entrada. Como principal, oPeixe du Jour ao Molho de Champanhe e Champignons Laminados Guarnecidos de Purê de Batatas e Legumes Salteados e, para a sobremesa, as opções são aMousse de Limão ou o Minipain Perdu.

 

Para o festival, a Mercearia do Conde, no Jardim Paulistano, conta como uma das opções de prato principal a Frigideira de Bacalhau com Arroz de Açafrão e Crispy de Couve. Crédito da foto: Romulo Fialdini.

 

Mercearia do Conde, sob o comando da restauratrice Maddalena Stasi, no Jardim Paulistano, acaba de completar 25 anos. O restaurante preserva resquícios de sua origem de armazém. No cardápio, uma cozinha que prima pelo saudável e exibe influências de diferentes nacionalidades. Localizado numa colorida casa de esquina, o restaurante é cheio de resquícios da antiga mercearia, com azulejos brancos nas paredes, sacolas penduradas, oratórios, quadros, espelhos, obras de arte, fadas e equilibristas pendurados no teto.  O menu para o festival, servido apenas no jantar, tem como opção de entrada a Salada Verde com Salmão Gravlax, Abacate e Molho de Limão-Siciliano. Já de prato principal, o menu conta com a Frigideira de Bacalhau com Arroz de Açafrão e Crispy de Couve e a Costela Marinada e Assada em seu molho com Nhoque de Mandioca e Ervas. Para finalizar com doçura, a casa oferece como opções de sobremesas as Peras Douradas com Sorvete e Tuile de Castanhas e a Torta de Cacau com Nozes.

 

 

O Randa, no Morumbi, preparou como opção de entrada, tanto no almoço quanto no jantar, as Esfirras Folhadas com Coquetel de Cebola Caramelizada e Queijo de Cabra. Crédito da foto: Rafael Wainberg.

 

Randa, restaurante sírio-libanês, une tradição, modernidade e receitas de família. A casa fica no Plaza Gourmet, área de gastronomia e conveniência de um dos maiores complexos empresariais da cidade, o Morumbi Corporate, na Chácara Santo Antônio, zona sul de São Paulo. Para o festival, o menu do almoço conta como opção de entrada as Esfirras Folhadas com Coquetel de Cebola Caramelizada e Queijo de Cabra. Os pratos principais são o Nhoque de Berinjela com Molho de Tomates Frescos e o Espeto de Baby Beef com Tomate e Cebola na Brasa e Arroz Moreno. Já para a sobremesa, a opção é a Coalhada com Calda de Frutas Vermelhas. No jantar, as sugestões são: como entrada, o Tabule de Quinoa, como pratos principais, o Filé-Mignon com Molho de Romã e Batata Libanesa e o Pintado na Manteiga com Espaguete de Pupunha e, para finalizar, o Minichocolamour (sorvete de chocolate, calda quente, chantili e farofa doce).

Criado nos anos de 1990 em Nova York, o Restaurant Week chegou ao Brasil em 2007 e de lá para cá vem movendo multidões em torno desse festival gastronômico. Presente em mais de15 cidades brasileiras, com a exigência de que o restaurante participante tenha menu e preço fechados para o almoço e jantar, já virou parte do calendário regional. Oportunidade únicapara os apreciadores da boa gastronomia provarem menus diferenciados, preparados por grandes e renomados chefs, com diversas opções de menus criativos por preços democráticos. O evento conta com The Fork, empresa especializada em reservas online do grupo TripAdvisor.

 

 

Serviço:

www.restaurantweek.com.br

O quê21ª edição da São Paulo Restaurant Week  

Quando: De 15 de setembro a 15 de outubro/17

Tema: Temperos do Quintal

 

 

Farabbud

www.farabbud.com.br

Endereço: Alameda dos Anapurus, 1253

Moema – São Paulo – SP – CEP 04087-004

 

Le Bou Bistrô

www.leboubistro.com.br

Endereço: Rua Dr. Renato Paes de Barros, 415 – Itaim Bibi – São Paulo – SP

Telefone: 11 3078-7619 | 11 99410-6282

 

Mercearia do Conde

www.merceariadoconde.com.br

Endereço: Rua Joaquim Antunes, 217 – Jardim Paulistano

CEP: 05415-010 – São Paulo – SP

Tel. 11 3081-7204

 

Randa Especialidades Árabes

www.randarestaurante.com.br

Endereço: Avenida Chucri Zaidan, 1240 – 2º andar – Piso Plaza Gourmet – Ed. Morumbi Corporate (ao lado do Shopping Morumbi) – Chácara Santo Antônio – CEP: 04709-111

Telefone: 11 3957-9570

 

Informações à imprensa:

SG Comunicação & Imagem

www.sheilagrecco.com

Josi Kersul / producao@sheilagrecco.com

Letícia Santini / jornalismo@sheilagrecco.com

Sheila Grecco / sheila@sheilagrecco.com

Tel.: 11 3284-6074 / 9 9944-9497

Facebook: /sgcomunicacaoeimagem

Instagram: @sgcomunicacao

Twitter: @sg_comunicacao

No comments
Carla Riso21ª SPRW reúne o melhor da gastronomia de São Paulo
leia mais

O que é ser fitness?

 

Primeiro vamos entender o significado da palavra. De origem inglesa, significa “estar em boa forma física”. O termo é normalmente associado à prática de atividade física e se refere ao bom condicionamento físico ou bem-estar físico e mental.

No comments
Carla RisoO que é ser fitness?
leia mais

Expoflora começa dia 25 em Holambra

A maior exposição de flores e de plantas ornamentais da América Latina está pronta para receber o público a partir da próxima sexta-feira. O evento segue até 24 de setembro, de sexta a domingo, e no dia 7, feriado da Independência, sempre das 9h às 19h, em Holambra (SP).

No comments
Carla RisoExpoflora começa dia 25 em Holambra
leia mais

Picanha da Syl

Oialoooo gente!!! Promessa é dívida, então vamos lá aprender a fazer essa picanha maravida, é muito fácil e não suja nada! ➡️
PICANHA DA SYL
Ingredientes:
uma picanha de mais ou menos 1,2kg,
duas colheres de sopa de sal rosa ou sal marinho( sal refinado faz mal, gente!)
SÓ ISSO??? Siiim, só isso.
 Preparo:
– limpe o excesso de gordura, deixando metade da espessura que vem normalmente do açougue. Passe com a mão uma colher de sal de um lado, e a 2ª do outro lado. Embrulhe em papel alumínio (sempre com a parte brilhante PRA DENTRO) e ponha na assadeira cim a gordura para baixo,de preferencia  em cima de uma grade p/ que o calor atinja todos os lados da carne, mas não é obrigatório. Ligue o forno e aqueça a 220°C, demora uns 10 minutos. Coloque a carne e asse por 40 minutos cravados. Depois, abra o alumínio e deixe por mais 40 minutos. Retire do forno e deixe descansar com o alumínio fechado por 5 minutos.Fatie e sirva com esse molho
➡️ MOLHO AIOLI COM PÁPRICA DEFUMADA:
4 dentes de alho,
2 gemas de ovo caipira, suco de meio limão,
1 colher de chá de páprica defumada,
pimenta do reino a gosto, sal a gosto.
Coloque tudo no processador ou liquidificador e vá acrescentando azeite extra virgem em fio até pegar um ponto cremoso.

Quem fizer posta a foto e marca

pra que eu possa me orgulhar de você😉
 Instagram : @chefsyldifranco
No comments
Carla RisoPicanha da Syl
leia mais

VOCE DESEJA SER LOW CARB? SAIBA MAIS…

Esta dieta reduz drasticamente o consumo de carboidratos do seu dia a  dia.  Fica muito claro   que a retirada de carboidratos  das refeições traz a  eliminação peso,   além de  melhoras  nos parâmetros  de insulina  e melhora  no perfil  lipídico,  visto que  um dos  grandes  problemas   de  colesterol  é  o  nosso  querido  carboidrato.

Mas como   o carboidrato nos da energia,  se tirarmos  do nosso prato  vamos   sentir  os  efeitos   como   cansaço,  dificuldade   de concentração  entre outros,  imaginem  uma dieta  mal elaborado  com a exclusão desses alimentos , o estrago que não faria.

Vamos levar em conta   que   você está   em  uma dieta  low carb que  pegou da amiga  que  pesquisou  na internet, e que   a sua  ingestão  de proteína  não seja   tão adequada,  como   você imagina –   O que  que  vai acontecer  com o seu corpo?

Irá ocorrer a quebra de proteína do músculo, para fornecer  substância  para o fígado,  para  que ocorra   gliconeogênese  ou  seja  a formação de um novo açúcar   para que   você  tenha  energia.  A proteína será  usada   como energia e   você  terá a  perda  a massa  muscular.

Isso mesmo vai   ficar   sem músculos  saudáveis, se tornando flácido.

Com a quebra da proteína, vai gerar uma serie de substancias acidas para  fazer o trabalho de neutralização no organismo  com  esta  situação  poderá  ocorrer  maior  liberação  de cálcio  dos  ossos, indo para  circulação  e assim a longo prazo você poderá desenvolver  a osteoporose.

Existem estudos que associam dietas low cab   com  o estresse oxidativo, que   nada  mais  é  do que  excesso de radicais  livres, causando envelhecimento e  outras  doenças.

Outros problemas podem ser apontados nesta dieta como a falta de fibra prejudicando  o nosso  sistema gastrointestinal. E a diminuição do consumo de fitoquímicos,  os quais  atuam  na proteção conta  as doenças, como câncer, envelhecimento  entre  outros distúrbios.

Com a falta de carboidrato,  pique  para a atividade  física  vai  ficar  difícil. Por isso  não faça  dieta por conta,  é importante  controlar   os carboidratos  da  dieta,  mudar  hábitos alimentares, sem orientação de um profissional   pode te trazer  alguns  problemas,    procure  a sua  nutricionista,  que   vai te orientar  corretamente  para um emagrecimento   com saúde  sem causar  danos  futuros.

 

Monica Symphoroso   CRN3 44330

Clinica Medica São Remo 5670-5000
Campo belo Vida e Saúde 2532-7320/9665

No comments
Carla RisoVOCE DESEJA SER LOW CARB? SAIBA MAIS…
leia mais

O Inverno chegou !!!

 

O inverno chegou

Com a chegada do inverno, as vendas de vinho tinto aumentam inclusive as melhores promoções em todos supermercados ocorrem nessa época, mas é muito comum até por que vinho tinto ajuda a aquecer o corpo e como comemos alimentos mais pesados e mais gordurosos, o vinho tinto também ajuda na digestão desses alimentos.

Mas engana-se quem pensa que o vinho tinto pode ser degustado somente no  inverno, no verão o vinho tinto não é esquecido no rico mundo dos vinhos assim como o vinho branco também é uma grande pedida para as épocas mais frias.

A uva branca Chardonnay da Califórnia é uma boa pedida para esse inverno, é uma uva popular cultivadas em terroir (solo e clima da região) da Califórnia que quanto mais fria os vinhos ficam melhores.

 

E para esse mês a dica é o vinho branco Californiano, é um vinho frutado e de médio corpo, o Backhouse. E o vinho tinto é o Korta Gran Reserva de origem chilena é um blend com as uvas 49% Petiti Verdot, 19% Carménère, 14% Carbernet Frenc e 18% Syrah, vinho encorpado com 14 meses de passagem de barril, é um vinho que pede acompanhamento de uma comida forte como carne de porco.

 

E são essas duas dicas para o inverno.

Até a próxima Saúde!

Silvana Aluá

Consultora de vinho de Importadora Vinho e Ponto Mooca.

silvanaalua@gmai.com

Instagram: Silvana_alua

Facebook: Harmonizando vinhos e livros

Onde encontrar esses vinhos citados na loja Vinho e Ponto Mooca.

Silvana Aluá
”Donimus”
Instagram/harmonizando_vinhos_livros
No comments
Carla RisoO Inverno chegou !!!
leia mais

Sampa Ativa: começar a correr aos 60 anos

Ter mais saúde e dar o exemplo. Esses foram os principais motivos que levaram Jorge Damião de Almeida de 60 anos a sair do sedentarismo e começar a praticar corrida. Há seis meses ele ocupa a cadeira de Secretário Municipal de Esportes e Lazer de São Paulo e, devido a muito trabalho e compromissos,  estava acima do peso, com a pressão alta e sem tempo para praticar exercícios.

“Como eu poderia incentivar as pessoas a fazer algum tipo de atividade esportiva se eu mesmo não fazia. Eu já estava com intenção de sair do sedentarismo e, em uma conversa  com  o editor de uma publicação sobre corridas, fui desafiado  a começar a correr  e até o final do ano participar de uma maratona”. Ressalta Jorge Damião.

Avaliação Médica antes da primeira passada

Mas assim como o secretário, qualquer pessoa, independente da idade, antes de colocar o tênis e de começar a praticar exercícios deve passar por uma avaliação médica. Segundo Antônio Masseo  de Castro, médico do esporte e  especialista em cirurgia de joelho, o futuro praticante de corrida deve fazer uma avaliação cardiofisiológica.“Os exames cardiológicos são os primeiros que devem ser feitos, para verificar se há alguma insuficiência que possa levar ter problemas no coração devido à sobrecarga do exercício. Após a liberação da parte cardiológica é preciso fazer uma avaliação ortopédica e funcional, com o objetivo de prevenir alguns tipos de lesões musculoesqueléticas e auxiliar na melhora da performance, corrigindo possíveis alterações clínicas e metabólicas.Com os  chamados “gestos de corrida” alinhados e corrigidos, a prática da corrida pode ser iniciada de forma segura, gradativa, sem impactos e com um desenvolvimento correto” complementa o Doutor Antônio Masseo de Castro.

O Secretário Municipal de Esportes e Lazer, Jorge Damião de Almeida, antes de iniciar seu desafio passou por uma bateria de exames e só começou a praticar corrida após a liberação médica. “Também fiz uma consulta com uma nutricionista e estou fazendo uma reeducação alimentar, pois estava com sobrepeso, o que segundo os médicos, poderia causar problemas nas minhas articulações, aumentar o cansaço e atrapalhar meu desempenho”.

Aos 60 anos Jorge Damião de Almeida treina três vezes por semana, já perdeu cinco quilos e já participou de três corridas: duas de cinco quilômetros e uma de oito quilômetros.

“A prática da corrida e uma alimentação correta trouxe muitos benefícios para o meu dia a dia. Estou me sentindo mais disposto e saudável. Quero através dessa experiência dar o exemplo que a idade não é impedimento para iniciar uma prática esportiva, incentivo os secretários a participarem também. Já estão participando das corridas Aline Cardoso, Secretária do Trabalho, Caio Megali, Secretário de Finanças, Fernando Chucre, Secretário de Habitação, Alexandre Schneider, Secretário de Educação.

 

Cidade Ativa: aumento em 20% da atividade física da população

Está no plano de metas do Prefeito João Dória, o Sampa Ativa que visa  aumentar em 20 por cento a atividade física da população da cidade de São Paulo. Vários projetos da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer incentivam a prática esportiva para uma melhora na saúde e na qualidade de vida. “Além dos projetos, temos 42 centros esportivos, 3 estádios  municipais e um centro esporte radicais  com  programas e atividades físicas para a terceira idade. Acredito cada vez mais que o esporte transforma vidas”. Complementa Jorge Damião de Almeida, Secretário Municipal de Esportes e lazer de São Paulo.

Informações  http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/esportes/clube_escola/.

Assessoria de Imprensa

Jorge Damião de Almeida -Secretário Municipal de Esportes e Lazer

Valéria Rambaldi – 011 99237 8538

 

No comments
Carla RisoSampa Ativa: começar a correr aos 60 anos
leia mais

Receita de Macarrão á Carbonara

Macarrão á Carbonara, uma receita para um encontro com a família no domingo. que tal convidar amigos ou familiares para experimentar essa Pasta maravilhosa.

Ingredientes:

250 gr macarrão de grano duro( espaguete, bavete, etc)

4 gemas batidas de ovos orgânicos

1 xícara de pancetta ou bacon

meia xícara da água que cozinhou a massa

sal e  pimenta do reino a gosto

Como preparar

Cozinhe a massa em água fervente e levemente salgada. Enquanto isso, frite a pancetta em 2 colheres de azeite. Quando a massa estiver quase no ponto, escorra e junte à panela com a pancetta, deixando o fogo muuuito baixinho. Acrescente as gemas, a água que foi guardada e mexa até o molho engrossar levemente(é bem rápido). Salpique a pimenta, acerte o sal e sirva imediatamente com parmesão ou ralado na hora.

Boa Sorte!!

BJS, SYLVINHA

Instagram: @chefsyldifranco

 

No comments
Carla RisoReceita de Macarrão á Carbonara
leia mais